domingo, 12 de junho de 2016

Eu não sou só os Kg que eu peso...

Fiquei bem irritada ontem, com um comentário que me fizeram...daquele tipo de pessoa que, assim como 90% da população, te julga pelo que vê, sem saber realmente o que tá por trás de tudo... O comentário foi do tipo: "Mas também, como esse peso todo, só pode ter problema."
Tenho um problema sério no joelho, ele sai do lugar e custa a voltar e sinto dores terríveis. Já fui em vários médicos, que nem me examinavam direito, só de me olhar já "sabiam" qual era o problema: gordura. O problema sempre foi o peso. Diziam que era só eu emagrecer que o problema sumiria, ou seja, não existia problema algum, era só excesso de peso.
Como vários gordos eu sempre tentei (e ainda tento é claro) emagrecer, mas só quem passa pelo processo sabe como é difícil e frustante. Quem tá de fora só vê como um gordo que não quer fazer outra coisa da vida a não ser comer... Enfim...
O último médico que fui (obrigada pela minha mãe, visto que eu não tinha o menor interesse de ouvir novamente do médico que o problema era meu peso) me surpreendeu. Pela 1ª vez o médico encostou em mim de verdade, fez teste no joelho, nas juntas, pediu exames e tudo. Quando voltei para levar os resultados, ele disse que tinha confirmado suas suspeitas, que eu sou uma pessoa hipervóbel, ou seja, tenho hipermobilidade em todas as juntas do corpo, o que me torna mega flexível, o que a princípio parece ótimo, mas que não é, por acabamos, por não sentir dor, forçando demais as articulações e elas podem romper... E isso afetava demais meu joelho, já desgastado ao máximo pelo tempo, mas a surpresa foi ouvir desse médico, que o peso não tinha nada a ver com isso (gente é claro, que quanto menos peso, menos força no joelhos e articulações e bla bla bla), mas o fato é que mesmo se eu fosse magra de doer, ainda teria o mesmo problema. E poxa, escutar isso, depois de ouvir a vida toda que o problema era o peso, que o problema e que você e gorda, foi realmente libertador. E isso ainda explicou muitas coisas durante minha infãncia/adolescência, sempre fui chamada de estabanada, sempre deixava derrubava as coisas, tenho um dom pra cair sem precedentes, mas tudo por causa dessa flexibilidade estendida, que as pessoas não entendem, não sabem que existiam e sempre julgavam: Lá vem a gorda estabanada...
Enfim... eu sei que muitas doenças são causadas e gravadas pela obesidade, porém eu, gorda que sou, não sou apenas meus Kg, tem muito mais atrás disso, e apesar da minha aparência ser meu cartão de visita, é preciso de muito mais para avaliar e julgar alguém. É muito difícil não ser abalar ao ouvir tais comentários, entretanto "rótulos não vão me definir, quem me define sou eu"


O médico me explicou que quanto ao joelho que está mais escangalhado, eu poderia fazer cirurgia para colocar parafusos e travar a mobilidade da rótula, entretanto não seria solução definitiva já que eu não poderia fazer uma cirurgia e colocar parafusos em todas as articulações. Me recomendou fazer exercícios para fortalecer a musculatura da coxa, e assim essa musculatura segurar um pouco a patela... procurei uma academia com esse única propósito e aí começou outro problema que conto outro dia...

Fica aqui meu desabafo...

O que é Articulações hipermóveis?
Sinônimos: hipermobilidade nas articulações, articulações soltas, síndrome da hipermobilidade
As articulações hipermóveis são aquelas que se movem além do limite normal de uma articulação específica, sem que a pessoa precise realizar mais esforço.
As articulações mais afetadas por esse problema costumam ser as do cotovelo, joelho, punho e a dos dedos.
Também conhecido como hipermobilidade articular, este sintoma nem sempre exige tratamento – a não ser que venha acompanhado de outros sintomas, como dor e sensibilidade na articulação afetada.



3 comentários:

  1. Eu te entendo. E como eu te entendo!

    ResponderExcluir
  2. As pessoas falam demais! Com o tempo aprendi a filtrar o que as pessoas falavam pra mim...o que elas pensam é problema delas! Não se deixe afetar por comentários maldosos de gente que não pensa antes de falar. Deixa esse povo pra lá! Faça o que for melhor pra vc! Um beijo!

    ResponderExcluir
  3. Uuuuuui essa frase arrasou! Vou ate copiar e deixar sempre ao alcance dos olhos: Rotulos nao me definem, quem me define sou eu! Que incrivel! E esse povo que acha nos somos apenas os kgs sao muito tontas! Deixe que digam, o importante e encontrarmos um ponto onde NOS estejamos felizes com os kg e a imagem do espelho, mas que possamos permanecer pessoas boas por dentro tambem! Porque de gente venenosa o mundo ja ta cheio

    ResponderExcluir